quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Retrospectiva

Então daqui a 24 horas começará um ano novo. 2011 é muito esperado, e eu vou fazer minha retrospectiva agora. Bom 2010 pra mim começu muito bem, em família e me lembro como se fosse hoje de uma palavra que o Pr falou "deixar tudo o que causa dor e sofrimento entrerrado" e entrei esse ano que daqui a pouco vai ser passado com um vigor e uma vontade viver mais que nunca e assim fiz, porque o reveillon de 2009 gente, não foi muito legal! Então, comecei 2010 com muita festa, amigos que ainda hoje estão comigo apesar das nossas diferenças, sempre juntos. Meu primo passou no vestibular e a familia se reuniu pra comemorar foi um festão lindo, ele mereceu! Aconteceu um passeio entre amigos, muito gostoso e inesquecível. Problemas sempre se fazem presente e passei por um que foi terrivel mas passou, eu creio. Depois chegou carnaval e eu não gosto muito, é folia descontrolada de mais pra mim, e então, fui para um sítio de uns amigos e foi muuuuuito bom. Marcha pra Jesus esse ano foi incrível, lindo ver aquela festa, pena que o povo ainda não aprendeu a jogar lixo no lixo. Em junho fiquei mais velha e pela primeira vez fizeram uma festa surpresa pra mim, pois das outras vezes foram café, almoço, nunca uma festa (sorrisos) ah foi muito bom! Dancei forró no "Sem João com Jesus" no Ginário Pato Preto, festa da IBN-Bereana. Entrei na autoescola. Fui pro show da Aline Barros e da Mariana Valadão, e foi inesplicável o momento, a festa que fizemos a alegria, tudo foi tão bom. Em 2010 eu consegui fazer a festa do amigo, todo ano eu queria e não dava certo, então, esse ano deu certo...\o/
Amigas se casaram, Dannusa e Cristiano...estão bem felizes. Solange e Marquissuel, Railuce e Clemilton. Entretanto, não poderia deixar de esquecer dois fatos importantes, a viagem pra Parnaíba e estagiar no Mário Faustino. Viajar foi pra mim, decisivo...eu não sabia ou melhor, nunca havia provado antes o poder que uma viagem tem, junto com a minha decisão, e foi muito bom. Estar com  a família, com pessoas que a gente gosta, num lugar que particularmente é especial pra mim, foi revigorante. Estagiar no Mario Faustino pra mim foi um presente de Deus, por tudo, conheci pessoas que vão ficar no meu coração, se depender de mim, pra sempre. Amo muito tudo o que vive e aprendi, alunos, secretários "favoritos", as pedagogas, coordenação, professores...amo muito! Muito bom estar, conhecer e aprendercom vocês esse ano. 
Então, 2010 foi um ano muito significativo pra mim, eu realmente sorri, vivi e fui feliz, claro que eu chorei e sofri calada, por consequências das minhas decisões erradas e algumas frustrações, faz parte! Consegui esquecer um amor, e tive paixões. Fui atriz principal, coadjuvante, figurante, fui diretor e artista. Mas a minha história não para por aqui, ainda tem muito pra acontecer e pra 2011 a unica coisa que eu espero é que ele se esforce muito pra tentar humilhar 2010 porque esse ano foi muito bom, termino o ano com saldo positivo. Finalmentee!!!!! \o/\o/\o/
          Se chorei ou se sorri o importante é que emoções eu vivi...
 Lutas, tristezas, percas, conflitos, complicação, sempre vai acontecer, só depende de como vamos encarar cada situação. Eu tentei me desapegar o máximo de tudo o que não era bom pra mim, fui covarde muitas vezes, deitei com o coração apertado outras tantas, chorei muito calada, tive que engolir muito sapo mais definitivamente eu aprendi, e meu travesseiro é testemunha do quando fui feliz, de como estou mais madura, e do quanto estou bem, apesar das dores na coluna. E como sempre eu digo: Deus é mais! 

Senhor, mas uma vez  o Teu amor cobriu a multidão dos meus erros.
Obrigada por tudo Pai! És minha vida! s2

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

O amor cura


Eu acho que o tempo, não apaga e nem cura nada.
Quem faz isso tudo é o amor.
Devemos compreender a diferença entre a dor física e o sentimento moral. Cuidamos sempre da doença da pessoa e não da pessoa doente, pois por muitas vezes não reconhecemos que olhar a dor do outro deixa a gente vulnerável ou incomodado, pois bom mesmo é alguém cuidar da gente, mas quando é o contrário, nem todo mundo tem saco pra isso. O amor, segundo o dicionário Aurélio, significa:
"sentimento que predipõe alguém a desejar o bem de outro; sentimento de dedicação absoluta, de um ser a outro, ou uma coisa; inclinação ditada por laços de família; inclinação sexual forte por outra pessoa; afeição, amizade, simpatia; o objeto de amor."
Esse amor é que faz tudo, o tempo é  só um grande aliado dele. O tempo é só uma ocasião, são os dias, os meses, os anos, as épocas...o tempo é só o relógio passando e os dias se acabando, morrendo. Ele não faz nada. Definitivamente...nada. Nada!
Encontro no amor a vida que a paixão não oferece, com toda a sua intensidade e ardencia. Esse mestre tem o poder de curar uma dor. As pessoas estão doente de amor, por falta de atenção, por falta do que fazer, por falta de amigos, por falta de reconhecimento, por excesso de frustrações causadas pelas paixões, por uma perca, por uma dependencia, tanta coisa nos deixa doente e a culpa ou a responsabilidade de curar ou de resolver sempre vai ser do tempo (relógio). Acho que esta na hora de entender que o amor é que trás a cura, seja para uma dor ou para uma paixão. E é ele que deixa a gente superar e se recuperar. Seja desejando o bem do próximo, porque até um pensamento positivo ajuda e muito, é tão bom saber que existe alguém que deseja o seu bem, que torce pra que algo dê certo na sua vida, Ou o nosso amor-proprio mesmo que é muito importante, é surreal. Não podemos conquistar nada sem antes querer, sem amar, sem antes desejar, e amar a sim é uma arte quase impossível, porque fica parecendo que ninguém consegue viver sem alguém, o que é relativo. O que eu considero correto é estar com alguém se amando, porque se isso não acontece, não é um relacionamento, é vegetar. E viver em função de outro, é burrice.

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Faxina

Final do ano chegando, povo resolve fazer umas listinhas sobre como encontrar um amor, um namorado, umas dicas pra dar tudo certo em 2011, outras dicas pra se desapegar, simpatias e por ai vai. Textos para final do ano é que não faltam e um particularmente me chamou atenção: Quatro faxinas que você precisa fazer antes de acabar o ano e confesso, muita coisa ai ja fiz desde o inicio do ano, outras não vou fazer e umas estou fazendo. Foi o texto que mais me encantou desde que começaram a publicar sobre final do ano. E sim, é um texto de "auto-ajuda" porque ninguém vive sozinho, pra gente melhorar precisa da ajuda de alguém ou de alguém pra ajudar...entendeu?? Hoje eu fiz uma faxina no meu material didático...joguei tanto papel fora, agora falta o guarda-roupa, a agenda do celular também sofreu/sofrerá alterações, orkut e msn, também sofrerão. Levar comigo só as coisas boas...o ruim, deixar pra trás. Defundo cheira mau, e eu não quero carregar nenhum nas minhas costas, nem pegar nenhuma doença por ter guardado coisas velhas. Eu sei também que em 2011 vou beber 250ml de água quando acordar e vou ler a biblia por completo. Enobrecer a alma, o corpo e o espírito! 

domingo, 26 de dezembro de 2010

E continua aqui, com memórias que apenas mudou a posição e esqueceu de trocar os passos, para os caminhos absurdos que me levaram. Precisava gritar para calar os pensamentos, as memórias...lembranças que gritam por você tão longe, tão perto, distante. Abraço, braços de afago repentino não pertencem a ninguém. Boca, beijo de saudade, do que nunca tive. Corpo, teu corpo, abismo.

sábado, 25 de dezembro de 2010

ho ho ho ... feliz natal

É Natal...todo mundo reflete e vive aquela capa de harmonia que em certos dias seria impossivel vestir, mas que para alguns torna-se obrigatória. Dia de cumprimentos, boa vizinhança, festa, peru, vinho, churrasco, jantar, bebida, presente, chocolate, conversa boa, encontro, beijos, saudade, afinal, é natal. E eu não gosto muito desse dia, melhor, não gostava, porque o Noel nunca me deu nenhum presente e eu sempre achei muito estranha a roupa que ele vestia (sorrisos) mas esse ano papai do céu foi muito generoso comigo. Eu escrevi no ultimo post que os melhores momentos que vive não foram planejados, então, isso aconteceu nesse natal...Deus foi tão bom e generoso comigo. "dingonbell" rsrsrs

E hoje é 25, não acabou natal, vou me vestir...porque a meta de agora em diante é ser feliz, aproveitar, e só parar se for pra refletir sobre alguma outra maneira de ser feliz!



Feliz Natal...que Jesus possa nascer no nosso coração
todas as manhãs trazendo paz, esperança, vida e alegrias!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Leve o tempo que for necessário

Existem algumas vezes que nos deparamos com situações de perca por causa de alguma catastrofe, ou situação de embaraço. E o que nos resta é levantar a cabeça e ir a luta. O importante nesses momentos é saber o que se procura, pois com certeza a gente vai se deparar com aquela oportunidade perfeita - dentro dos padrões que a gente deseja - e com certeza vamos ter que superar as dificuldades, e uma delas é o tempo. Pois as coisas não acontecem como nós queremos, tudo tem seu lindo tempo determinado para acontecer - o que nos custa muita paciência.
Eu acredito que todas as vezes que conseguimos sucesso em algo foi por que lembramos inconscientemente de uma lição fundamental: - as coisas levam o tempo que for necessário. Sofremos por não saber esperar o tempo das coisas: imagina um neném, ele tem nove meses pra nascer, você não quer que ele nasça nem antes e nem depois desse tempo, mas quer que ele esteja dentro dos padrões e nasça nesse tempo, nove meses. E apesar da espera ser dolorosa, cheia de angustias, de fadigas, você espera. Por que você lembra que mesmo esperando anciosamente vai demorar o tempo que for necessário para chegar, é mais fácil ter paciência.  Então, passamos a nos adequar a esse tempo, cuida-se da alimentação, procura-se um esporte, investe-se tempo procurando saber mais a respeito da gestação de um filho e por ai vai - são tantas coisas.
Quando nos convencemos que a vida se move em seu proprio ritmo temos mais paciência. Esse tipo de paciência faz bem à alma. Esperar com paciência nos faz permitir que a vida se mova e nos transforme, enquanto nos vergamos como árvore ao vento, dobrando e contorcendo sem quebrar, e, apesar de tudo, sobrevivendo. 
Bom, eu decidi que não vou mais ficar angustiada por nada...TUDO TEM SEU TEMPO e não vai ser eu com minha angustia que vai antecipar nada. Vou vivendo. As melhores coisas que ja me aconteceram, não precisei planejar e duraram o tempo que duraram e me custaram o seu valor.
Algumas coisas só podem acontecer através do tempo . Elas apenas acontecem - o tempo as transporta. (M. C. Richards)

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

Você vai lembrar de mim

Quando eu te vejo
Espero teu beijo
Não sinto vergonha
Apenas desejo

Minha boca encosta
Em tua boca que treme
Meus olhos eu fecho
Mas os teus estão abertos

Tudo bem se não deu certo
Eu achei que nós chegamos tão perto
Mas agora com certeza eu enxergo
Que no fim eu amei por nós dois

Esse foi um beijo de despedida
Que se dá uma vez só na vida
Explica tudo, sem brigas
E clareia o mais escuro dos dias

Tudo bem se não deu certo
Eu achei que nós chegamos tão perto
Mas agora com certeza eu enxergo
Que no fim eu amei por nós dois
Mas você lembra!
Você vai lembrar de mim
Que o nosso amor valeu a pena
Lembra é o nosso final feliz
Você vai lembrar...
Vai lembrar...sim...
Você vai lembrar de mim. 
Grupo: Nenhum de Nós/ Composição: Thedy Corrêa

"Confesso que essa música ficou martelando há um tempo atrás...e não tem nada a ver com a minha situação atual. Nada mesmo, mas hoje lembrei de um casal que vi brigando e fico pasma com alguns casais não se respeitam e/ou como um individuo, às vezes, por besteira, esquece todo o sacrificio que fez pra ter a pessoa ali do lado, e por um equivoco, uma impaciência, um mal entendido...seja lá o que motiva,  faz uma enorme discurssão. Eu acho que um bom diálogo resolve tudo. Ofensas, são ofensas e não acrescentam, nada. Bom mesmo é terminar um relaciomento, ter consciência de que não deu certo, mas lembrar dos bons momentos."
 "Tudo bem se não deu certo/ Eu achei que nós chegamos tão perto/ Mas você lembra!/ Você vai lembrar de mim/ Lembra é o nosso final feliz..." ♫


Viva o respeito! \o/

Te ver

"Só te ver e tudo parece ter mais brilho
Faz calar as duvidas que existem aqui
Cria certezas dentro do mim
Sentir teu cheiro de perto
É certo, que ja tens vantagen
Ouvir tua voz, me faz sorrir 
E mesmo quando se ausenta
Deixa-me segura!"

sábado, 18 de dezembro de 2010

Aujourd'hui

"Eu não estou procurando nada, só ficar em cima das minhas pernas. Estar no ápice das paixões é uma boa, desfrutar das belezas da vida a dois, é algo muito bom. Mas quero fazer isso tudo em cima das minhas pernas. Não quero mais flutuar para de repente ter que acordar de um sonho bom. Eu quero um sonho a dois, e não precisa ser agora, e nem precisa ser com um cara perfeito. Eu só preciso que seja reciproco, e às vezes acho que isso é quase surreal, por ser tão dificil de encontrar, mas não estou apressada e meus pés estão firmes no chão. Eu só quero agora continuar firme nas minhas pernas e não me deslumbrar muito por muita ou pouca coisa.


Esse video, é belíssimo. A letra, então, sublime!  

Agora, o que eu sei é que o amor resolve tudo. O tempo definitivamente não faz nada, só envelhece as coisas, mas o amor esse sim cura a dor, faz esquecer um outro amor. E sabe pra onde vai o amor quando um amor acaba? Ele vai pra outro amor!" ^^

Je me fous de passé. Je repars à zéro...

 

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

É muito bonito ver os olhos de um menino sorrindo quando te ver. Como um menino pode fazer isso? Não sei, mas o que fica claro é que menino tem poderes. E esses agem quando o menino sorri com os olhos e nem precisa mostrar o sorriso na boca, a alegria é completada no abraço...assim, sem jeito, saudade. Vontade. Menino é meigo, e é alegria. É desejo. Menino é homem. Onde você se esconde? Aonde te encontrar? Será que você é um sonho? Menino, me dê um sinal.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

O tempo não resolve nada
Mas o amor, sim
E Deus é amor, né?
Então, quando o amor comanda
Não faz a gente sofrer
Não tem tempo de tristeza
Não tem rancor
Não tem cobrança
Porque amor é confiança
Amor também é alegria
Amor é paz.
O amor cura tudo!
É ele que faz as coisas
Seja uma cura física
Ou uma cura emocional
Ah
E é ele que faz a gente esquecer
Ou lembrar
Porque o amor é tão grande
Seja ele o amor próprio ou um amor por alguém
Ele não deixa a gente ficar remoendo o passado
Que deixa a gente dolorida
O que mais se quer é viver e ser feliz.
=D

I don't care, not even!

Hoje eu continuo sem te ver e vejo que não preciso mais, tão violentamente de você!


sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

‎"Às vezes, mais vale desistir do que insistir, esquecer do que querer, arrumar do que cultivar, anular do que desejar. No ar ficará para sempre a dúvida se fizemos bem, mas pelo menos temos a paz de ter feito aquilo que devia ser feito, somos outra vez donos da nossa vida e tudo é outra vez mais fácil, mais simples, mais leve, melhor."
Teu sorriso...
Uma lembrança que ficou ao fechar meus olhos
Teus olhos...
Palavras que eu precisava ler para me acalmar ou enfurecer
Teu abraço...
O lugar mais perto da calma que eu conheci
Teu jeito...
Mesmo sem jeito, me ajeitou no teu braço, abraço
Teus cabelos...
Molhados, secos, bagunçados ou não, eu gosto
Teu aroma...
Sem perfume aparente, sinto o teu cheiro.
Você?
Meu doce problema.
Meu anagrama.
Minha volúpia.
Meu abismo.
Meu produto tóxico.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

 
Realidade, mas quem consegue não fazer?
- Senhor, pelo menos agora eu estou mais tranquila. Obrigada pelo Teu cuidado! =]  

"Agora eu sei o que não fazer, quando isso acontecer."

Crônica do Amor - Arnaldo Jabor


"Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta.

O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar.

Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais.

Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca.

Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera.

Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco.

Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no
ódio vocês combinam. Então?

Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome.

Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a
menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo.

Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama
este cara?

Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor.

É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura
por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível.

Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?

Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados.

Não funciona assim.

Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível.

Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó!

Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa."

O teu riso invadiu o meu silêncio!

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Às vezes a solidão 
assola aquele coração abandonado, 
e a dor, 
aquela menina rancorosa 
faz questão de ferir. 

Vai ver um dia acontece algo novo na relação delas e elas parem de brigar, de agir imaturamente e deixe a esperança fluir na vida delas. Quem sabe, um dia elas possam desfrutar de todo o emaranhadado de sentimentos que vem quando encontramos o amor?!

domingo, 5 de dezembro de 2010

Privilégio

Sempre aparece alguém ou algo que mexe com a gente de uma certa maneira. Tantas coisas causam movimento no nosso interior. E esses movimentos interiores nos deixam livre e atados. Quantas vezes me pego assim, mexida interiormente. Porque o passado esse moço não sabe qual é o seu lugar e insiste em retornar.
Adepta do desapego, troco sempre meus pensamentos e não deixo que a tristeza e o caos invadam a minha vida, não é por orgulho, arrogância, nada. É por amor mesmo, a mim. Aprendi que não vale a pena sofrer, não compensa.
Percebo que todas as minhas frustrações aconteceram após dar a alguém algo que ela simplesmente não estava capacitada pra cuidar ou não tinha noção do que estava em suas mãos. Privilégio é conceder a alguém algo que para você é de grande importância. É muito delicado. Bom mesmo é pensar no depois. E viver.
Fato é que nem todo mundo tem a capacidade pra reconhecer a importancia que as coisas alheias tem, então cabe ao dono mover-se ou melhor, cuidar pra não se decepcionar. O seguro morreu de velho. E a esperança depois dele.
Nem todo mundo é 'cafecomleite', nem todo mundo é capaz de ser exceção. Algumas exceções nos colocam em cativeros interiores. Lembro-me de algumas vezes que abri mão de algo que era importante para mim por alguém que não soube valorizar e acabei entediada. Chato isso.
Pessoas não são coisas. Pessoas são especiais, são privilégios e precisam ser valorizadas.

Eu sinto e não sinto nada. A ociosidade se instalou aqui.
Eu vejo e não enchergo nada. Minha visão está cansada.
Eu sei e me perco. Fico sem saber o que dizer.
Eu quero e nego. Não vê que você me deixa tonta.
Eu tenho, mas logo acaba. 
Como uma brisa.
És suave!

terça-feira, 30 de novembro de 2010

meu oposto

Sabe aquela pessoa que apresenta oposição na diferença ou diferença absoluta?  Seja na questão dos seus pensamentos ou atitudes, essa pessoa intitulo-se contraria a você. É aquele tipo de pessoa que não se mostra favorável a nada que você faz, não admira nada que você apresente, é seu adversário claramente falando. Partindo desse 'conceito', encontro o oposto. E no dicionário o que mais me admirou foi saber que aqui, o que é contrário tem uma relação de ponte, ou seja, fronteira. Apesar de também ser contrário e antítese, é também ponte. E nesse caso, é isso que importa. Somos opostos e isso fazia algo nos ligar, um não sei o que indefinido nos meus pensamentos me faz querer-te. Assim, com receio, sem exagero, sem jeito, teu jeito, me faz lembrar do nós que não existiu. Então, fazer o que, né? 

"A única coisa pior do que começar alguma coisa e falhar
é não começar alguma coisa"

domingo, 28 de novembro de 2010

Precioso² ³!

"O Reino dos céus é como um tesouro escondido num campo. Certo homem, tendo-o encontrado, escondeu-o de novo e, então, cheio de alegria, foi, vendeu tudo o que tinha e comprou aquele campo. O Reino dos céus também é como um negociante que procura pérolas preciosas. Encontrando uma pérola de grande valor, foi, vendeu tudo o que tinha e a comprou. O Reino dos céus é ainda como uma rede que é lançada ao mar e apanha toda sorte de peixes." Mateus 13: 44-47


Meu mundo, minha natureza, minha raiz é você! A vida conTigo é sempre uma alegria, meu tempo é preenchido por paz. Nada é mais importante que conhecê-lo em Sua magnitude, em Sua grandeza e Sua honra. Lugares, companias, momentos, festas, comidas, gestos, tudo no mundo é ilusão, passageiro de mais perto de você. E mesmo que eu quisesse um dia agradecer tudo o que fez e passou para poder conquistar meu coração, eu não conseguiria. Você sabe tem a minha vida.
Perdão que me alcançou, mesmo com as minhas falhas, os meus erros bobos, os meus desvios...o Teu perdão me traz o que eu preciso. Precioso presente para mim, e todas as estrelas do céu não me movem como você faz. Você me faz uma pessoa melhor, me faz forte quando estou fraca e acho que não posso mais. Tudo é mais agradável, o meu riso é mais feliz, meu melhor amigo, meu amor!
Mais alto que o céu é o Teu amor por mim.                                                 Tu és lindo!
Menina dos Teus olhos...                            Je t'aime, mon Dieu!

sábado, 27 de novembro de 2010

Dorido

Dor é uma sensação de sofrimento. Sensação que você não pode compartilhar e mesmo que conte, o outro jamais seria capaz de sentir a dor que sentimos. Complexo falar disso, mas queria compartilhar algo. Em um desses dias que passaram, senti uma dor intensa em determinado lugar do meu corpo e a medida que ela ia aumentando,  fazia sumir as minhas forças e me deixava paralisada, eu nunca havia me sentido assim desprotegida, dependente, tão dolorida. Graças a Deus, logo passou o pior, só ficou as pequenas dores, e essas acho mais dolorosas, pois sempre nos priva de algo ou algum movimento. A pancada é sempre muito forte, mas é o latejo que faz você lembrar do ocorrido, faz sofrer.
Tantas coisas podem provocar o nosso sofrimento. Uma pancada, uma perca, uma resposta, um desejo, uma atitude, uma privação, uma violência, ser opção, ser ou uma lembrança...são inumeros os fatores e tão delicada a recuperação. Conheci uma senhora que perdeu alguém que ela amava muito, e essa pessoa não morreu, mas não me esqueço de uma frase ou melhor uma pergunta que ficou no ar enquanto conversavamos: "mas, fazer o que, né?". Ah essa sensação de impotência, de não saber o que fazer, de ter as mãos livres e atadas ao mesmo tempo que o sofrimento traz, é muito dolorido. Pior que morte mesmo, é a perca.
A morte, você de um jeito ou de outro vai ter que entender, buscar forças pra superar, porque não tem mais jeito. Mas a perca...essa não. Você perdeu, e ai fica pensando nas possibilidades de ter conseguido. E esses pensamentos nos matam, pouco a pouco. Dói. Em nenhum momento desmereço a dor da morte, pois sei que essa é inigualável, sei que perder é complicado o suficiente pra desistabilizar alguém por muito tempo.
E como em tudo que julgamos não ter solução, sempre colocamos culpa no tempo dizemos que ele dará um jeito eu não vou fazer diferente. Então, espero que o tempo seja competente o suficiente pra curar as nossas dores!


"Eu chorei sem disfarçar
(...)
Eu já não sei bem aonde vou
Mas agora eu vou."

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Flor de bugari

Um amigo sempre me chamou por 'flor de bugari' e eu ficava me perguntando - que flor seria essa? Bom, curiosidade a parte, ele me disse que "era uma flor rara, que se encontrava nos piores desertos, mas que tinha um poder milagroso de curar todos os males." Depois dessa lisonja resolvi publicar o poema inspirador do apelido. Obrigada A.M.!

Flor de Bugari ^^
 Flor de bugari

Uma flor de bugari se cultivou
há alguns anos, carinhosamente.
Foi bem cultivada por boa gente.
Tão bem cultivada que frutos gerou.

Ela gerou outras flores como filhas,
as quais eu outro dia em foto vi
junto a uma poesia da flor de bugari.
Daqui a alguns anos farão as suas trilhas.

Se forem como a mãe, serão decerto puras,
sendo que o sorriso assaz puro elas já têm,
o qual em bela praia mostrou-se claramente.

Se forem como a mãe, jamais pararão nas juras,
mas o amor plantarão em meio a muito bem,
deixando mais florido este mundo docemente.
Oliveira Caruso

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Faz de conta

Hoje eu queria muito te ver para talvez conversarmos como se a gente se conhecesse desde criança. Poderia ser algo casual ou você poderia vir me fazer uma visita - uma daquelas que por tantas vezes lhe convidei e você nada. Faz de conta que eu não quero... 
Me pergunto, às vezes, como eu não te conhecia? Se eu já sabia que você existia. Faz de conta que eu não sabia...
Quando acordar num belo dia e começar a vida, ao sair da tua casa e começar a tua rotina passa antes ou depois aqui em casa.Quem sabe a gente não se encontre?! Faz de conta que eu não quero.

 "Tentando cultivar menos as recordações e fazer menos planos, mas ainda guardo muitos papéis e eu tento, mas não consigo adiantar muito trabalho. Não gosto de espaço pequeno, preciso me movimentar. Saio quando da certo porque os planos quase nunca dão certo e assim canso menos e me divirto mais."
Faz de conta que não existe faz de conta.

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Um ato de coragem!

"Amar é um ato de coragem, muita coragem, principalmente quando se estar amarrado. A situação fica mais complicada e não compensa ser medroso, nunca na vida, temos que estar na luta sempre! Ficar na defensiva é para os medrosos. É preciso ter coragem para se jogar sem medo pois só conhecemos todas as delícias que é amar, quando não temos medo dele. O medroso não sofre, não se machuca, não suporta, não chora, mas também não vive, não sente arrepios, não sonha acordado, não é feliz ou infeliz....o certo é que o medroso é alguém que está parado, ali no canto com medo. Sempre que estamos na defensiva, a gente sempre se dá mal, por algum motivo, esse relapso ou não, então, é melhor às vezes correr um risco de tentar, que se lamentar depois. Mas só vale a pena essa entrega quando se é correspondido, aquela arte da reciprocidade. Amar só, é um ato de total abandono ao amor verdadeiro, que é o amor a si próprio."

sábado, 20 de novembro de 2010


"Não espere eu parar o que estou fazendo pra te atender
Não espere eu ser doce,
Não espere gentileza,
Não espere clareza,
Nao espere respeito,
Não espere abraço,
Não espere atenção,
Jamais. Não me espere mais."
Eu não posso empurrar um rio!

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

...pressa

Ela estava em estado de ânsia. Inquieta. Ofegante. Pensativa. E sua vontade era única, não estar só naquele momento. Por algum motivo, e esse era conhecido, a pressa. Ela vivia com pressa: pra sair, pra comer, pra sorrir, pra ser livre, pra amar, pra ser presa, sempre com pressa. Mas nunca deixava isso transparecer, até derrapava algumas vezes, mas procurava marter-se firme. Ela tinha um sonho, e tentava não perder o caminho, mesmo que no percurso encontrasse algumas pedras, aquele era seu alvo, e a pressa já havia lhe causado muitos danos. Ela aprendeu que existem as etapas e merecem ser cumpridas, respeitadas, pois já estava cansada das topadas por causa da sua pressa. O tédio cercou a sua mente, veio a fadiga, e resolveu sair de casa, talvez andar a deixasse um pouco mais livre. Pois a pressa a prendia. E sim, ela resolveu recomeçar, pois já havia se habituado.
"Para tudo há uma ocasião certa; há um tempo certo para cada propósito debaixo do céu." Provérbios 3:1
 ‎"Eu sei, é um doce te amar. O amargo é querer-te pra mim..." ^^

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Um minuto de silêncio, segundos preciosos pra ouvir o sussurro  do mar no meu ouvido...há uma paz ali naquele lugar. E o vento, este era homem, cobria o meu corpo, me fazendo sentir calafrio, e eu podia sim, mergulhar naquele mar de pensamentos que sobrevinham em minha cabeça. Tudo passava como um flash. Tudo tão lindo, tudo tão nublado, tudo tão seco, tudo acabou...eu sem você. Sou solidão.

"Apenas ele tem o sorriso que consegue desfazer
qualquer escudo sólido que construí, meses à fio."

domingo, 14 de novembro de 2010

rumo

Bem, os nossos caminhos nunca foram os mesmos. Não temos os mesmos amigos, nem o mesmo rumo, mas de repente o vento trouxe você até aqui,  e foi a 'coisa burra' mais inteligente que ele podia fazer, pra me deixar assim nesse desajuste completo, me des'apego. Assim calada, como quem escuta uma bela canção ou expressiva, como quem atua em um espetáculo musical. Que os nossos rios se encontrem, mesmo que seja no deserto, para que eu deleite no teu abraço, menino.
"Um dia perceberemos que a pessoa que nunca te liga
é a que mais pensa em você...
Um dia percebemos que somos muito importante para alguém,
mas não damos valor a isso...
Um dia percebemos como aquele amigo faz falta,
mas ai já é tarde demais...
Enfim...
Quem não compreende um olhar
tampouco compreenderá uma longa explicação."

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

...às vezes sim!

A possibilidade de perder algo é muito doloroso. Principalmente pra quem tem aquele probleminha de SPA (Sofrer Por Antecipação ou Sindrome do Pensamento Acelerado), tudo fica mais complicado. Sofremos em dobro e depois vemos que não era uma 'dorzona' era uma perca  e como todas as percas, a gente sempre ganha algo, mas na hora da dor a gente não lembra disso, quer mesmo é chorar, ficar quieta, calada ou sorrir pra não ter que mostrar as lágrimas, e quem consegue não mostrar? As minhas são altamente desobediente e saem, mesmo que de uma por uma pra mostrar meu estado. E ainda tem aqueles que arriscam em consolar a gente, o mais interessante é que até parece que não escutamos nada, mas depois, quando o pensamento volta ao normal, tudo o que foi dito vem a memoria. 
Seria bom se tudo fosse flores, mas até as flores possuem um caule resistente e espinhos. Será que os espinhos da rosa machucam ela?  Não sei, mas os meus às vezes, sim.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Vontade

Eu quero saber o que vai acontecer quando eu o ver
Se só ao ouvir a sua voz, fico assim, sem saber como agir 
Então, me calo e escuto.
Conseguirei eu me conter só com o teu olhar?
Ou ficarei a merce do que sinto?

Decide o que vai fazer comigo
Pois eu não sei o que acontece quando estou frente a ele
Mas só de ouvir a voz dele, fico paralisada.

Preciso tomar a minha porção de você,
Mesmo que seja apenas uma dose.

Menino sinto sua falta!
Me sinto fraca
E se não te vejo,
bate uma vontade
sem fim!

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Talvez

"Perde quem nos perde".

Sinto que posso sentir muitas coisas ao seu respeito,
mas talvez seja pura insensatez tentar prever sentimentos.
Como posso antecipar aquilo que ainda está por dentro?
E assim perder a chance de me surpreender com o tempo?
Vou amar por apenas um dia, sem medo do amanhã.
E se tudo acabar em um de repente qualquer,
não irei me sentir a mais terrível mulher, apenas seguirei em busca de um novo amor que,
um dia por vez, prolongue-se eternamente.
Quero muitos dias de eternidade,
quero que minhas mãos continuem livres em suas criações.
E, se por ventura, eu perceber que meu coração já não é mais livre, render-me-ei a essa cilada? -Talvez...
Quão belas são as coisas inesperadas. 
 Larissa

domingo, 7 de novembro de 2010

Ser vista!

Hoje eu queria muito te ver para talvez conversarmos como se a gente se conhecesse desde criança. Poderia ser algo casual ou você poderia vir me fazer uma visita - uma daquelas que por tantas vezes lhe convidei e você nada. Faz de conta que eu não quero... 
Pergunto-me, às vezes, como eu não te conhecia? Se eu já sabia que você existia. Faz de conta que eu não sabia...
Quando acordar num belo dia e sair pra começar a tua rotina, passa antes ou depois aqui em casa. Quem sabe a gente não se encontre?! Faz de conta que eu não quero.

- É, talvez eu deixe ele entrar na minha vida.

 "Tentando cultivar menos as recordações e fazendo menos planos, mas ainda guardo muitos papéis e eu tento, mas não consigo adiantar muito trabalho. Não gosto de espaço pequeno, preciso me movimentar. Saio quando da certo porque os planos quase nunca dão certo e assim canso menos e me divirto mais."

terça-feira, 2 de novembro de 2010

02 de novembro

Essa data é um dia especial de muita comemoração para mim. Lembro que por três anos, promessas do Senhor foram derramados sobre a minha vida, nesta mesma data e sempre com o mesmo propósito. RENOVO! Sim, pois todos precisamos de renovação, mas essa data tem algo especial. Toda vez, depois de uns anos atrás pra cá, quando chega nesse dia sinto algo diferente. Deve ser por que é um dia em que lembramos a morte de alguém que é especial para nós mais que hoje não está mais aqui. Cada um homenageia do jeito que lhe convém...escuta uma música, vai ao cemitério, acende vela, ora, lembra, chora...seja lá qual a sua forma de expressar o seu amor por alguém que morreu e  foi hoje o dia que decretaram pra você fazer isso. E em falar em morte, me lembei de Jesus, que ressussitou, aleluia! \o/  Outro dia, falei pra alguém sobre Jesus, e essa pessoa ficou tão surpresa...acho que não é do mesmo herói que estavamos falando, mas deixa pra proxima isso é uma outra história. Então, é bom saber que foi em um dia em que o Brasil está velando por seus entes falecidos, que o Senhor reservou para falar sobre renovo comigo. Tão especial eu sou pra Ele! Agora, me sinto revigorada, minha esperança está motivada...parece até um pleonasmo, mas é assim que me sinto! Graças a Ti...
"Todas as coisas permanecem em Ti, Jesus!"

segunda-feira, 1 de novembro de 2010

Gabriela

Estava Gabriela sentada na cama ao acordar pensando na sua vida. O mês de outubro passou. E ela agora fazia uma retrospectiva do seu ano que estava quase no final. Cobrava muito de si, e não percebia o quanto estava madura. E entre tantos textos, sitações, projetos, provérbios, sonhos, calmaria, sonetos ela não conseguia compreender o quanto estava mais firme. Segura de si, após tanto pensar, Gabriela levantou pegou seu lençol, dobrou e sentou na cama novamente, foi quando veio em sua mente os versos de Camões: 
"Tanto de meu estado me acho incerto,
Que em vivo ardor tremendo estou de frio;
Sem causa, justamente choro e rio,
O mundo todo abarco e nada aperto."
Gabriela  já não estava mais segura! Mas pensou: "O que adiantaria a melancolia? Os pensamentos do meu estado, se tudo o que eu preciso esta aqui, na minha frente." Ela tinha o principal bem guardado, uma caixinha de bom humor...levantou e foi pegar. E assim teve forças para prosseguir. Afinal, mesmo fraca Gabriela sabia que acabara de ressucitar, pois todos os dias ela morria para si e não admitia continuar com os pensamentos do dia que morreu, o ontem.
Até hoje, não é fácil para esta moça acordar. Todos os dias é uma luta, mas ela se habitou a recomeçar.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

...um vazio!

Bem esses dias faz mais um ano da sua ida! E pode até parecer estranho, mas todas às vezes, apesar do longo tempo que você já se foi, sinto um aperto dentro do meu coração ao lembrar.
Você realmente faz falta! Por tudo o que construiu, pelo que você foi. Algo fica vazio por você não está aqui pra dar seu palpite, para dar aquele sorriso que só você sabia dar. Menino-homem, sinto tanto tua falta!

"Existe um lugar nos meus sonhos de onde você não partiu, me pego às vezes lembrando de como você sorria, o que você faria, se ainda tivesse aqui desse lado da vida. Parei de perguntar: Por que? Parei de debater com Deus. E ninguém vai preencher o seu lugar no meu coração, mas eu queria que ninguém fosse embora desse lado da vida!"

Saudade² ³!!

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Anjo ^^

Hoje eu acordei mais cedo 
E fiquei te olhando dormir 
Imaginei algum suposto medo 
Para que tão logo pudesse te cobrir 
Tenho cuidado de você todo esse tempo  
Você está sob o meu abraço 
E minha proteção 
Tenho visto você errar e crescer 
Amar e voar 
Você sabe onde pousar 
Ao acordar, já terei partido 
Ficarei de longe escondido
Mas, sempre perto, decerto 
Como se eu fosse um humano vivo 
Vivendo pra te cuidar 
Te proteger 
Sem você me ver 
Sem saber quem sou 
Se sou anjo, ou se sou 
O seu amor 
 

sábado, 23 de outubro de 2010

Eu, modo de usar

Pode invadir
Ou chegar com indelicadeza,
Mas não tão devagar que me faça dormir.
Não grite comigo, tenho o péssimo habito de revidar…

Toque muito em mim
Principalmente nos cabelos
E minta sobre a nocauteante beleza.

Tenha vida própria,
Me faça sentir saudades,
Conte algumas coisas que me fazem rir…
Viaje antes de me conhecer,
Sofra antes de mim para reconhecer-me…
Acredite nas verdades que digo
E também nas mentiras, elas serão raras
e sempre por uma boa causa.

Respeite meu choro,
Me deixe sozinha,
Só volte quando eu chamar e,
Não me obedeça sempre
que eu também gosto de ser contrariada
Então fique comigo quando eu chorar, combinado?

Me conte seus segredos…
Me faça massagem nas costas
Não fume,

Chore,
eleja algumas contravenções.
Me rapte!
E se nada disso funcionar…

Experimente me amar!
Martha Medeiros

"O dia aqui ainda continua nublado, e eu considero uma benção depois de tanto calor. Meu Deus obrigada! Só me dá paciência, pois eu estou achando que não consigo 'esperar pacientemente', considerando também o friozinho que faz em um dia nublado...vejo que nada coopera ou até coopera e eu tão impaciente não percebo."

Ademain! ^^

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

Um dia nublado, um sonho, você e nada mais!

Hoje o dia amanheceu nublado por aqui, eu pude dormir meia hora a mais, e isso me fez bem! Tirando o aperto que se instalava no meu coração desde ontem e o sonho. Porque a tua lembrança até nos meus sonhos me persegue, o que para mim, não significa nada. Not really!
Cansei de tanto procurar
Cansei de não achar
Cansei de tanto encontrar
Cansei de me perder
Hoje eu quero somente esquecer
Quero o corpo sem qualquer querer
Tenhos os olhos tão cansados de te ver
Na memória, no sonho e em vão
Não sei pra onde vou
Não sei
Se vou ou vou ficar
Pensei, não quero mais pensar
Cansei de esperar
Agora nem sei mais o que querer
E a noite não tarda a nascer
Descansa coração e bate em paz
Fernanda Takai
A melancolia do dia fechado, se instalou dentro de mim, fazendo-me ser um pouco mais centrada, engraçado. Eu conheci um garoto. Ele põe cor dentro do meu mundo, mas ele é como um labirinto, onde todas as paredes mudam continuamente.Então descobri que posso encontrar alguém que me deixe boas lembranças a cada dia, ao invés de roubar e frustrar minhas expectativas.
Descansa coração e bate em paz!   

quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Um olhar

Certo dia ouvi a frase: “Não olhe muito para o texto, pois o olhar vicia.”Não sei ao certo quem falou essa frase, mas sei que este estava certo.
Olhar vicia e cega! Olha-se tanto, que até não reparamos mais nos defeitos. Você fixa tanto no todo que esquece dos detalhes, mesmo que os procure, não vai conseguir encontrar.
O olhar também paralisa. Já viu aquelas pessoas que passam e passando olha no seu olho, lá na pupila e até parece que encontra algo lá, porque consegue fazer você por instantes (milésimos de segundos) parar ou até mesmo gelar, pode ser um calafrio também, está valendo.
Mas o bom do olhar, é que alguns trazem confiança, tão bom! Você está naquele momento tenso, então você olha ali pro lado, vê um amigo, ou vê um alguém e aquele olhar não está lhe julgando…está lhe apoiando. Já aconteceu comigo isso, a sensação é de enterrar os pés no cimento. Me senti tão confiante. É bom saber que existe alguém que torce por você! o/
Há um olhar que trás medo, outro angustia, ou até tristeza, esse ultimo é mais fácil de se detectar. =(
Há já vi também o olhar de inveja e raiva, esse ultimo é feio. E não é só o olho que transmite o sentimento, mas a face também…muito tenso²³!
Tem o olhar da conquista, o mais usado pra encontrar alguém, pode ser pra namoro ou amizade…tanto faz! O importante são os laços, nos relacionamentos que são conquistados, tudo através de um simples olhar.
Bom, independente do olhar, ele sempre cega e se não cega, vicia. Pelo que faz você sentir ou deixar de sentir.
Cuidado com os olhos, são as fontes da sua vida. Por eles, podem chegar até você sentimentos ruins ou bons…e você terá dentro de você o que quiser pra passar aos outros.

Tem tanta gente por ai com um olhar “morto”, “angustiado” ou até “assombrado”. Então, não tente ser igual, através dos seu olhos transmita vida!

domingo, 17 de outubro de 2010

Pensamento

Decidi ir ver um filme um dia desses. Aprendi muito, como sempre, os filmes sempre me ensinam algo. Esse teve algo especial, ou melhor uma frase.Temos que aprender a selecionar os nossos pensamentos.” Sim, Eles mesmos. Aquele ‘dito cujo’ que fica horas e horas na nossa cabeça, que por diversas vezes, faz-nos perder o sono, chorar…, ficar alegre ou triste, esperançosa, entusiasmada, sei lá qual seja a causa do pensamento, eu quero escrever pra falar dele. Eu estou em um momento que para mim o que importa é a parte boa, os momentos ruins…esses definitivamente, não precisam ser lembrados a todo o momento. Pra quê se apegar a dor? Se tem tanta motivação correta por aiiiiiiiiiiiii…e foi nesse “ai” que Te encontrei. E sim, estou feliz conTigo! Por ter me ajudado a filtrar os meus pensamentos, às vezes tão egoista, arrogante, triste, amargurada, fria, indiferente; tão distante de Ti. "É justo que muito custe, o que muito vale.”
Te amar, foi o maior acerto em toda a minha vida. Com você me sinto criança, me sinto livre, posso mais! ^^
Decidi agora trocar meus pensamentos. É dificil esquecer alguém que fez parte da nossa vida, mas ficar se martirizando porque esse foi embora ou morreu, não vai ajudar nada; mude, mesmo que seja devagarinho, se alimente de coisa saudáveis, de bons pensamentos, de boas companias…pessoas não são só pessoas. =)
“É melhor ser alegre, que ser triste, a alegria é a melhor coisa que existe.”